Mirena Endoceptivo

Mais Imagens

Mirena Endoceptivo
R$947,00

Disponível: Em estoque

MIRENA®

LEVONORGESTREL

MIRENA (LEVONORGESTREL) É UM ENDOCEPTIVO, OU SEJA, UM SISTEMA INTRAUTERINO (SIU) COM LIBERAÇÃO DE LEVONORGESTREL, CUJA TAXA INICIAL DE LIBERAÇÃO É DE 20 MCG/24 HORAS.

APRESENTA-SE EM:

CARTUCHO CONTENDO 1 BLISTER ESTÉRIL COM 1 ENDOCEPTIVO (SIU) E 1 INSERTOR.

USO INTRAUTERINO

USO ADULTO
Descrição

Detalhes

Para que serve

Mirena é indicado para contracepção (prevenção da gravidez), menorragia idiopática (sangramento menstrual excessivo, sem causa orgânica) e para proteção contra hiperplasia endometrial (crescimento excessivo da camada de revestimento interno do útero) durante terapia de reposição estrogênica.

Como Mirena funciona?

Mirena é um sistema intrauterino em forma de T que, após a inserção, libera o hormônio levonorgestrel dentro do útero. O objetivo da forma em T é o de ajustar o sistema de liberação ao formato do útero. A parte vertical do T contém um hormônio, levonorgestrel, que é semelhante a um dos hormônios produzidos em seu corpo. O sistema libera levonorgestrel em seu corpo em uma taxa constante, mas em quantidades muito pequenas. Mirena previne a gravidez através do controle do desenvolvimento da camada de revestimento do útero (endométrio) de forma que esta não fique suficientemente espessa para possibilitar gravidez, além de promover o espessamento do muco normal no canal cervical (abertura para o útero), de forma que o espermatozoide encontre dificuldade para entrar no útero e fertilizar o óvulo. Mirena também afeta o movimento do espermatozoide dentro do útero.

Qual é a eficácia de Mirena?

Em contracepção, Mirena é tão eficaz quanto os mais eficazes DIUs de cobre atualmente disponíveis. Mirena apresenta um índice de falha de aproximadamente 0,2% no primeiro ano. Este índice pode aumentar em caso de expulsão ou perfuração. No tratamento de sangramento menstrual idiopático excessivo, Mirena reduz o sangramento, de forma significativa, após três meses de uso. Algumas usuárias não apresentam qualquer sangramento menstrual. Mirena também alivia a cólica menstrual. Na prevenção do crescimento excessivo da camada de revestimento interno do útero, Mirena demonstrou ser eficaz durante terapia de reposição estrogênica contínua oral ou transdérmica.

Contraindicação

Mirena não deve ser utilizado na presença de qualquer uma das condições descritas a seguir:

Se você está grávida ou suspeita que pode estar grávida; Se você tem doença inflamatória pélvica atual ou recorrente (infecção dos órgãos reprodutores femininos); Se você tem infecção do trato genital inferior; Se você tem infecção do útero após parto; Se você tem infecção do útero após um abortamento ocorrido durante os últimos 3 meses; Se você tem infecção do colo do útero; Se você tem anormalidades celulares no colo do útero; Se você tem ou suspeita de câncer do colo do útero ou do útero; Se você tem tumores que dependem do hormônio progestógeno para se desenvolver; Se você tem sangramento vaginal anormal não-diagnosticado; Se você tem anormalidade do colo do útero ou do útero, incluindo leiomiomas (miomas), se estes causarem deformação da cavidade uterina; Se você tem condições associadas com aumento de susceptibilidade a infecções; Se você tem doença hepática (do fígado) ou tumor hepático (do fígado); Se você tem hipersensibilidade (alergia) ao levonorgestrel ou a qualquer componente do produto.

Comentários

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.